Os sonhos são ilustrações do livro que sua alma está escrevendo sobre você.

sábado, 11 de novembro de 2017

O meu coração não é escrito a lápis... Sou incapaz de apagar pessoas, sentimentos e vivências com a borracha da indiferença. Porém, esse mesmo coração tem outra vantagem, ele não tem espaço para arquivo morto... Quem souber aproveitar a estada que ele oferece e conquistar o seu afeto tem lugar cativo... Os demais foram lições e aprendizados de capítulos encerrados. A vida é curta demais para repetir histórias e o meu coração exigente demais para conviver com pessoas rasas. Novas experiências e sentimentos profundos. É o mínimo que ele espera de mim.



sexta-feira, 10 de novembro de 2017

Não sou diferente.
Já passei por muitas adversidades nessa vida.
Reneguei as minhas dores muitas vezes.
Tive dias claros e dias escuros.
Não compreendia a paciência.
Não me centralizava nos porquês.
Com o tempo, sou aprendiz.
Sei, porém, que as adversidades são vendavais que nos testam.
E só com sabedoria e força de vontade, se consegue almejar o próprio bem. 
Não atropele os dias, viva-os constantemente com discernimento.
É para frente que o coração nos leva.

sábado, 28 de outubro de 2017

Dança coração, dança com alegria. As notas do amor enchem de alegria os dias e as noites. Toda melodia segue o mesmo ritmo, tudo dança: as montanhas, a praia, o mar. O universo humano dança com risos e lágrimas ao mesmo tempo.

sexta-feira, 25 de agosto de 2017

A vida só é possível através dos desafios.
A vida só é possível quando você tem tanto o bom tempo quanto o mau tempo, quando tem prazer e dor; quando tem inverno e verão, dia e noite; quando tem tristeza tanto quanto felicidade, desconforto tanto quanto conforto.
A vida passa entre essas duas polaridades. Movendo-se entre essas duas polaridades, você aprende a se equilibrar. Entre essas duas asas, você aprende a voar até a estrela mais brilhante. Transforme pequenas coisas em celebração...



quinta-feira, 10 de agosto de 2017

Descobri como é bom chegar quando se tem paciência.
E para se chegar, onde quer que seja, aprendi que não é preciso dominar a
força, mas a razão.
É preciso, antes de mais nada, querer.


quinta-feira, 22 de junho de 2017

Sou feita de retalhos.
Pedacinhos coloridos de cada vida que passa pela minha e que vou costurando na alma.
Nem sempre bonitos, nem sempre felizes, mas me acrescentam e me fazem ser quem eu sou.
Em cada encontro, em cada contato, vou ficando maior...
Em cada retalho, uma vida, uma lição, um carinho, uma saudade...
Que me tornam mais pessoa, mais humana, mais completa.

E penso que é assim mesmo que a vida se faz: de pedaços de outras gentes que vão se tornando parte da gente também.
E a melhor parte é que nunca estaremos prontos, finalizados...
Haverá sempre um retalho novo para adicionar à alma.

sábado, 22 de abril de 2017

Sou livre quando amo o que faço. Sou livre quando aceito que o mais importante é a minha consciência. Sou livre quando sei que, na hora do fracasso é sempre tempo de começar outra vez. Sou livre quando sou capaz de amar o instante da vida que eu tenho nas mãos.